Buscar
  • High Glass

Incidência solar deve ser avaliada na compra de um imóvel


Uma boa incidência solar é um fator essencial para a qualidade de um imóvel. Além de garantir iluminação, o sol é importante para a saúde dos moradores, visto que os locais que recebem bastante incidência solar apresentam menos problemas com mofo, bolor e outros micro-organismos.


Não é à toa que a incidência solar adequada no imóvel é um fator que pode influenciar até mesmo no preço de mercado do apartamento.


Por isso, é preciso avaliar alguns fatores em relação ao posicionamento do apartamento para assegurar uma boa incidência solar, além de, se preciso, conhecer alguns recursos que podem ser empregados para reduzir a temperatura interna.


Existem diversos aspectos que devem ser avaliados no momento da compra ou locação de um imóvel, como localização, a metragem total e dos cômodos e a posição solar, que faz toda a diferença na qualidade de vida, deve estar entre eles. Para identificar se o apartamento desejado tem a incidência de raios solares na quantidade certa, será necessário levar em consideração a localização dele em relação ao sol, tanto ao nascer quanto no fim do dia.


A diretora da JVF Empreendimentos, Juliana Oliveira, pontua que ao comprar um imóvel, é importante identificar a distribuição e equilíbrio da planta.


“Assim como é fundamental considerar a metragem do imóvel, avaliar se os cômodos estão dentro das necessidades da família em tamanho e quantidade, é importante também verificar se a planta considera fatores como a ventilação, circulação e iluminação do imóvel. Nós buscamos sempre equilibrar esses elementos nos empreendimentos. A planta precisa ser inteligente, conter espaços bem divididos e projetados para satisfazer os desejos mais recorrentes da população”, destaca.


A arquiteta Daniela Cunha aponta que unidades com paredes ou janelas voltadas para o leste tendem a receber mais sol pela manhã, quando ele é um pouco mais brando. Já aquelas com paredes ou janelas voltadas para o oeste, tendem a receber mais sol no período da tarde, que geralmente gera uma carga térmica mais elevada.


Influência do sol sobre os cômodos do apartamento


Como muitos imóveis têm mais de uma face, ou seja, estão posicionados para mais de uma direção, a análise da incidência solar deve ser feita em relação aos cômodos. Os quartos e a sala são os ambientes que possuem maior trânsito dentro de um apartamento e com uma permanência muito maior.

Identificar os horários de maior incidência é de suma importância, para garantir que os principais cômodos a luz solar no momento correto e mais apropriado. A arquiteta Daniela argumenta que, sempre que possível, devemos evitar posicionar a cama em paredes voltadas para o poente, pois essa parede que recebe muito sol durante a tarde tende a emanar calor e dissipar essa carga térmica durante a noite.

“Dê preferência a posicionar armários nessas paredes já que a carga térmica emanada por essa parede vai dificultar o aparecimento de ácaros, mofos e bolores. Um apartamento que recebe o sol poente geralmente se torna mais quente. Para minimizar essa carga térmica devemos aumentar a circulação de ar no ambiente, mantendo sempre as janelas abertas para permitir a ventilação cruzada”, ensina.


Os ambientes que recebem luz solar direta são sempre os mais desejados, porém é preciso que utilizemos de meios para barrar essa radiação quando necessário, não apenas para evitar a entrada do calor como também dos raios UV que, enfatiza Daniela, podem queimar e alterar a coloração de móveis e objetos de decoração.


As películas para vidros 3M são uma ótima solução, pois bloqueiam em até 99% os raios UV, reduzindo o calor no ambiente sem comprometer a iluminação natural.

A High Glass realiza a aplicação com profissionais especializados e trabalha exclusivamente com as linhas 3M, para garantir o melhor em qualidade e garantia para os clientes.

Solicite um orçamento personalizado.



3 visualizações0 comentário

The smartest protection